A expansão do mercado de câmeras digitais trouxe consigo uma enorme diversidade dos formatos de cartão de memória. Secure Digital (SD), Memory Stick (MS) e Compact Flash (CF) são os que se destacam entre os mais populares atualmente.

Com tantas opções, é mais do que natural surgir a dúvida: como escolher o cartão de memória certo?

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

Há muitos fatores a serem considerados antes de efetuar a compra: capacidade de armazenamento, velocidade de transferência, compatibilidade com a marca da câmera, entre outros. Mas sem dúvida a quantidade de fotos ainda é o principal fundamento para escolha, e como as máquinas fotográficas atuais oferecem cada vez mais megapixels, é preciso cartões cada vez mais potentes para guardar tantas imagens.

Veja na tabela abaixo o número de fotos que cada modelo consegue guardar, considerando que, neste exemplo, o formato da imagem é “JPEG” e o padrão de qualidade da foto é “alto”. Os números são aproximados e podem variar conforme o tipo de arquivo (RAW, JPEG, etc), o nível de qualidade especificado na máquina, padrão de compressão etc.

Memória 2 MP 3 MP 4 MP 5 MP 6 MP 7 MP 8 MP 10 MP
128 MB 142 102 61 49 38 33 29 26
256 MB 284 203 122 98 76 66 58 51
512 MB 568 406 244 195 152 132 116 102
1 GB 1.136 813 488 390 305 264 232 204
2 GB 2.272 1.625 975 780 610 527 464 408
4 GB 4.544 3.251 1.950 1.560 1.219 1.054 929 816
8 GB 9.088 6.502 3.900 3.120 2.438 2.108 1.858 1.632

De qualquer forma, ainda restam muitos pontos determinantes para escolha do cartão de memória. É para resolver este problema que nós explicamos as principais características de cada formato existente e sua utilização ideal.

Secure Digital (SD)

Um dos mais populares cartões de memória se apresenta nas dimensões 32 mm (altura) × 24 mm (largura) × 2,1 mm (espessura) e é adotado pelas principais fabricantes de câmeras, como Nikon, Casio, Canon, Pentax, Kodak e Panasonic. No total, esta tecnologia é usada em mais de 12 tipos de aparelhos, somando 400 categorias de produtos e mais de 8 mil modelos.

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

Além desta variável da capacidade de armazenamento, um fator que interfere no valor do produto é a taxa de tranferência. A maioria dos cartões SD tem velocidade de 16x (2,4 MB/seg), mas já existem disponíveis modelos de 66x (10 MB/seg), 133x (20 MB/seg) e até 150x. As máquinas fotográficas comuns, porém, não têm suporte às velocidades mais altas, o que faz com que você só perceba a melhora no desempenho quando transferir o arquivo da câmera para o computador.

O formato recebeu o nome “Secure” (“seguro”, em português) por possuir um sistema de controle de direitos autorais. Em termos de proteção, ele também permite o travamento para escrita de forma semelhante aos disquetes antigos, com a diferença de que o bloqueio é feito pelo firmware do aparelho. Por meio de um adaptador, o SD se torna compatível com cartões MicroSD e MiniSD, usados em aparelhos menores, como mp3 players e celulares.

Outra variação do formato é o SDHC (Secure Digital High-Capacity), um cartão SD de alta capacidade. Estes modelos têm poder de armanezamento de 4 a 32 GB, com taxas de transferência de até 200x (30MB/seg). A categoria é subdividida em quatro classes, conforme regulamentação da SD Association. Cada uma possui um poder de performance e é destinado a um determinado tipo de uso.

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

A classe 2 é voltada principalmente para gravação de vídeo em H.264, MPEG-4 e MPEG-2; a classe 4 é para gravação de vídeo MPEG-2 (HDTV) e disparo contínuo (Burst) em DSC, ou seja, fotos tiradas em sequência rápida; a classe 6 é para quem deseja aplicar o recurso “Burst” em alta resolução, tanto em câmeras DSC quanto em máquinas profissionais SLR/DSLR; por fim, a classe 10 é a ideal para gravação de vídeo em Full HD. A partir da classe 6 já é possível fazer filmagem, mas as menores podem apresentar travamento ou mesmo não fazer a gravação.

Há, ainda, a classe UHS 1, que apresentam maior poder para gravar vídeos de grande porte em HD e transmitir dados em tempo real. Nessa categoria, a velocidade de transferência é de 633x (95MB/seg) na leitura e até 600x (90 MB/seg) na gravação.

Memory Stick

Fabricado pela Sony, o Memory Stick é um cartão de memória flash que possibilita guardar grande quantidade de dados de diversos tipos, como foto, música, vídeo, jogos e arquivos em geral do computador. Algumas câmeras digitais da Samsung e a Minolta também utilizam este cartão, mas o uso majoritário é do próprio fabricante. Ele também é conhecido como IC Recording Media, que, traduzindo significa Mídia de Gravação com Circuito Integrado, razão pela qual também propicia alta velocidade na transferência de dados.

Os modelos básicos atuais são o Memory Stick Pro (50 mm × 21,5 mm × 2,8 mm), o Memory Stick Pro Duo (31,0 mm × 20 mm × 1,6 mm) e o Memory Stick Micro (15 mm × 12,5 mm × 1,2 mm), este último destinado a uso em celulares. Um dos aspectos mais interessantes é que, em caso de perda de energia, por exemplo, os dados arquivados até o momento do incidente não são perdidos, e o usuário pode retomar o processo de transferência depois.

Mas há também outros padrões de Memory Stick, indicados para produção de fotos e vídeos em alta definição. É este o caso do Memory Stick Pro-HG (High Grade), que, através de um novo sistema de barramento de dados, tem velocidade de até 60 MB/seg; do Memory Stick Pro Duo – Mark 2, próprio para uso em produtos AVCHD (Advanced Video Codec High Definition); e do Memory Stick PRO HG DUO HX, que garante alta velocidade de transferência de dados.

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

Os modelos básicos atuais são o Memory Stick Pro (50 mm × 21,5 mm × 2,8 mm), o Memory Stick Pro Duo (31,0 mm × 20 mm × 1,6 mm) e o Memory Stick Micro (15 mm × 12,5 mm × 1,2 mm), este último destinado a uso em celulares. Um dos aspectos mais interessantes é que, em caso de perda de energia, por exemplo, os dados arquivados até o momento do incidente não são perdidos, e o usuário pode retomar o processo de transferência depois.

Mas há também outros padrões de Memory Stick, indicados para produção de fotos e vídeos em alta definição. É este o caso do Memory Stick Pro-HG (High Grade), que, através de um novo sistema de barramento de dados, tem velocidade de até 60 MB/seg; do Memory Stick Pro Duo – Mark 2, próprio para uso em produtos AVCHD (Advanced Video Codec High Definition); e do Memory Stick PRO HG DUO HX, que garante alta velocidade de transferência de dados.

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

Ao desenvolver o Memory Stick, a Sony buscava atuar na prevenção da violação dos direitos autoriais. Por isso, é utilizado o sistema de criptografia Magic Gate, que permite que o uso de conteúdo protegido no cartão, seja baixando ou reproduzindo em aparelhos autorizados, mas não possibilita o compartilhamento.

Compact Flash (CF)

Mais antigo dos cartões de memória, o Compact Flash (CF) é produzido por várias marcas de câmeras digitais, tais como Canon, Casio, HP, Epson, Nikon, Panasonic e Minolta, entre outras. Existem atualmente dois tipos de cartões: o CompactFlash CF (I) e CFast (II), que possuem 43 mm (largura) x 36 mm (comprimento) e 3,3 mm e 5 mm (espessura), respectivamente.

Descubra qual é o melhor cartão de memória para sua câmera digital

Os modelos atuais do Compact Flash têm capacidade de até 128GB, com velocidade de transmissão de dados de até 667x (100MB/seg). De acordo com a Compact Flash Association, a última especificação do produto (6.0) estabele mesmo a taxa de transferência para até 120 MB/seg. Quando grava vídeos em Full HD, o cartão garante desempenho de filmagem com 20 MB/seg. Além disso, ele captura cenas em 3D com a mesma velocidade.

Compre cartão de memória com 15% de desconto para pagamento a vista

Esta tecnologia usa chips em estado sólido, sem peças móveis, evitando possíveis danos de origem mecânica. Fora isso, ela tem alguns recursos de proteção, como o ECC (Error Correction Code), o que a torna muito confiável. Outras vantagens são que ela consome pouca energia e é resistente. Mas essa robustez torna os cartões Compact Flash caros, fazendo com que eles sejam voltados ao público profissional.

_fonte

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.